alunos em laboratório para educação 4.0

Educação 4.0 – A experiência do aluno

Vivemos na era do digital. Estamos cada vez mais conectados no mundo online e, para os nascidos nessa era, o lógico é ter acesso a tecnologia também na escola.

O conceito da Educação 4.0 se baseia em motivar o aluno a aprender através da busca e compreensão de soluções para problemas reais, através de projetos em grupo, compartilhando suas habilidades e conhecimento, de forma atualizada, condizente com as tecnologias das quais eles estão ambientados.

Na Educação 4.0 o foco não é a matéria em si, mas a forma como ela é ensinada. É fundamental exercitar a lógica do aluno e fomentar suas habilidades para empreender, além de auxiliar no seu desenvolvimento de empatia, ao inseri-lo em ambientes favoráveis à criação em grupo.

Características como inovação, colaboração, pensamento crítico e equipe, são os pilares da nova sociedade em formação. Estes, precisam ser inseridos na rotina pedagógica das escolas.

A implementação de laboratório, por exemplo, faz com que o processo de aprendizagem se torne mais interessante para os alunos com o perfil do século XXI. Se limitar às disciplinas tradicionais é um erro que o modelo de Educação 4.0 visa corrigir.

É necessário haver um elo entre as disciplinas que, a primeira vista, não teriam ligação. Fazer matérias tradicionais trabalhar em parceria com a modernidade, trazendo práticas de aprendizado que criam um ambiente ativo e uma concepção de inovação nos alunos.

Para a Educação 4.0, a integração com o digital incentiva os alunos a escolher as ferramentas que melhor lhe auxiliam na organização de seu processo de aprendizagem. Isso transforma o aluno em agente de seu aprendizado, sendo o protagonista da sua jornada educacional. O estudante se converte em formador de conhecimento e não apenas receptor de informação.

No ensino 4.0, o trabalho contempla as necessidades individuais de cada aluno, dentro de um ambiente dinâmico, o que reforça o sentimento de pertencimento. Sabendo disso, é função do professor, ensinar seus alunos a respeitarem as diversidades e serem resilientes, além de desenvolver neles competências sócio-emocionais.

A Educação 4.0 nasceu para fazer a integração homem-tecnologia e preparar os alunos para serem profissionais qualificados para as profissões do futuro, sem perder aquilo que os diferencia das máquinas: a humanidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *